Conteudo da terra.com.br
Veículos estavam há cerca de quatro meses parados após acidente fatal no Arizona. Empresa diz ter iniciado revisão completa do programa com foco em segurança.

Os carros autônomos do Uber estão de volta às ruas de Pittsburgh, nos EUA, após cerca de quatro meses parados. Mas agora eles serão operados manualmente por motoristas de segurança.

Os veículos estavam fora de circulação desde março, quando um acidente fatal com um carro autônomo da empresa matou uma mulher por atropelamento na cidade de Tempe, no Arizona.

“Após a tragédia em Tempe, iniciamos uma revisão completa do nosso programa de direção autônoma com foco em segurança. Hoje, estamos dando um primeiro passo para levar os nossos veículos autônomos de volta às vias públicas de Pittsburgh”, afirmou o diretor do Grupo de Tecnologias Avançadas do Uber, Eric Meyhofer, em um post no Medium nesta semana.

O executivo destaca ainda que esse retorno dos carros autônomos do Uber acontecerá em “modo manual”, com os motoristas de segurança, agora chamados de Especialistas de Missão (Mission Specialists), sendo acompanhados por uma outra pessoa no carro. “O Especialista em Missão atrás do volante é o responsável principal para manter a segurança do veículo, enquanto que um segundo Especialista no banco do passageiro irá documentar eventos importantes.”

Meyhofer também chama a atenção para outras medidas que serão adotadas pelo Uber para garantir uma maior segurança na operação dos veículos, incluindo melhorias de treinamento e diretrizes, uma plataforma de monitoramento em tempo real dos motoristas e um sistema para evitar colisões, que irá acionar o freio de emergência em determinadas situações.

Por fim, o post do executivo também sugere que o retorno que o retorno dos carros às ruas no modo autônomo pode acontecer nos “próximos meses”.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Menu